Preso com 1,8kg de skunk, homem é detido em carro de app com destino a Arraial do Cabo

spot_img

Homem é preso com 1,8kg de skunk em carro de aplicativo com destino a Arraial do Cabo

Um homem foi preso em flagrante na madrugada desta quinta-feira (17) por tráfico de drogas na RJ-162, em Casimiro de Abreu. O entorpecente seria entregue em .

De acordo com informações do Comando de Policiamento Rodoviário (CPRv), durante uma operação de combate ao crime, os policiais abordaram um carro de aplicativo na RJ-162, em Casimiro de Abreu. O motorista, que demonstrou nervosismo, não soube responder às perguntas dos policiais, o que levantou suspeitas.

Os policiais realizaram uma busca veicular no carro e encontraram um tablete de skunk, uma droga sintética mais potente que a maconha, com peso de 1,8kg. O entorpecente estava escondido no porta-malas do veículo e era de propriedade do passageiro, identificado como E.T.d.S.J..

O acusado confessou aos policiais que levaria a droga para e receberia R$ 8 mil pelo transporte. Além disso, ele também admitiu ser gerente do tráfico de drogas na comunidade do Sabão, em Niterói.

O criminoso já havia sido condenado pelo crime de roubo e estava em liberdade condicional. Ele foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e conduzido à 121ª Delegacia de Polícia (121ª DP).

Tráfico de drogas na RJ-162

A RJ-162, onde ocorreu a prisão do homem por tráfico de drogas, é conhecida como uma importante rota de transporte de entorpecentes na região. As autoridades policiais têm intensificado as operações de combate ao tráfico na rodovia, com o objetivo de coibir a ação dos criminosos e proteger a população.

Essas ações de fiscalização e abordagem são fundamentais para desmantelar as redes de tráfico de drogas que utilizam as rodovias para transportar entorpecentes. A apreensão de drogas e a prisão de pessoas envolvidas nesse tipo de crime contribuem para a segurança da população e para a redução do tráfico e consumo de drogas na região.

Skunk: uma droga sintética mais potente

O skunk é uma droga sintética que se destaca pela sua potência. É considerado mais forte que a maconha devido ao maior teor de THC (tetraidrocanabinol), substância responsável pelos efeitos psicoativos da planta. O uso de skunk pode causar efeitos mais intensos e duradouros do que o uso da maconha tradicional.

Essa droga tem se tornado cada vez mais comum no Brasil, sendo alvo de preocupação das autoridades de saúde e segurança. O combate ao tráfico de skunk é fundamental para evitar que essa substância cause danos à saúde e bem-estar da população, além de contribuir para a redução do uso de drogas ilegais.

Consequências do tráfico de drogas

O tráfico de drogas é um crime que traz inúmeras consequências negativas para a sociedade. Além do prejuízo para a saúde e segurança dos consumidores, o tráfico de drogas está associado a outros crimes, como roubos, furtos e homicídios.

As drogas ilícitas financiam organizações criminosas, que muitas vezes estão envolvidas em outros tipos de crimes, como tráfico de armas, lavagem de dinheiro e corrupção. O combate ao tráfico de drogas é essencial para enfraquecer essas organizações criminosas e garantir a segurança da população.

Cabe às autoridades policiais e à sociedade como um todo unirem esforços para combater o tráfico de drogas, por meio de ações de fiscalização, apreensão de entorpecentes e prisão dos responsáveis por esse crime. Além disso, é importante investir em políticas públicas de prevenção ao uso de drogas e tratamento para dependentes químicos.

Portanto, a prisão desse homem com 1,8kg de skunk em um carro de aplicativo na RJ-162 é mais uma vitória no combate ao tráfico de drogas na região. Espera-se que essa ação contribua para a desarticulação de redes criminosas e ajude a proteger a população local.

Fonte da Notícia: Guia Região dos Lagos

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]