Prefeitura de São Pedro da Aldeia busca criar nova área de preservação ambiental

Prefeitura busca criação de nova unidade de conservação ambiental em São Pedro da Aldeia

: Prefeitura busca criação de nova unidade de conservação ambiental em

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia deu um passo importante em direção à criação de uma nova Unidade de Conservação na cidade. Representantes das Secretarias de Meio Ambiente e Pesca e de Agricultura, Abastecimento e Trabalho estiveram na sede do INCRA, no Rio de Janeiro, para discutir a regularização da UC e ressaltar a importância dessa iniciativa para o município.

A proposta é instituir a Unidade de Conservação Ilha dos Macacos nos Assentamentos Ademar Moreira e Emiliano Zapata, localizados no bairro São Mateus, na zona rural de São Pedro da Aldeia. A criação será na modalidade Refúgio da Vida Silvestre, devido à presença de macacos da espécie Bugio Ruivo (Alouatta Guariba Clamitans).

Durante o encontro, os técnicos do INCRA se comprometeram a analisar o requerimento e oferecer o suporte necessário para conciliar a instituição da UC com a existência dos assentamentos naquele local. Essa parceria entre a Prefeitura e o INCRA é fundamental para que a criação da Unidade de Conservação seja efetivada.

A importância dessa nova Unidade de Conservação é destacada pelo secretário de Meio Ambiente e Pesca, Mario Flavio Moreira. Ele ressalta que essa iniciativa contribuirá para ampliar a área de conservação ambiental de fauna, protegendo espécies ameaçadas, como o macaco bugio, e espécies vegetais endêmicas. Além disso, a criação da unidade também trará benefícios econômicos, como o aumento da arrecadação de ICMS ecológico.

O projeto de criação da Unidade de Conservação na Ilha dos Macacos é uma ação conjunta da Prefeitura de São Pedro da Aldeia e da Secretaria de Estado do Ambiente (SEAS), por meio do Programa de Apoio às Unidades de Conservação Municipais (ProUC). Foram realizados trabalhos técnicos para oficializar essa parceria, garantindo assim a criação dessa importante área de proteção ambiental.

Durante o encontro no INCRA, estiveram presentes o diretor da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Pesca, Leonardo Rosas, o biólogo Flavio Antonio da Costa Gomes e a servidora da Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Trabalho, Ana Carolina Macedo Leitão. A presença desses profissionais demonstra o comprometimento do município em garantir a criação da Unidade de Conservação de forma adequada e sustentável.

A criação de Unidades de Conservação é fundamental para a preservação do meio ambiente e a proteção da biodiversidade. Essas áreas têm como objetivo principal conservar os recursos naturais, garantindo a sobrevivência de espécies e ecossistemas. Além disso, as Unidades de Conservação também contribuem para a promoção do turismo ecológico, gerando emprego e renda para as comunidades locais.

Nesse sentido, a criação da Unidade de Conservação Ilha dos Macacos representa um avanço importante para São Pedro da Aldeia. A presença dos macacos da espécie Bugio Ruivo na região ressalta a biodiversidade do local e a necessidade de proteção desse ambiente. Com a criação dessa nova Unidade de Conservação, o município está demonstrando seu compromisso com o desenvolvimento sustentável e a preservação ambiental.

A parceria entre a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, o INCRA e a SEAS é essencial para viabilizar a criação da Unidade de Conservação. O apoio técnico e estrutural oferecido por essas instituições é fundamental para que o processo de regularização seja concluído com sucesso.

A criação da Unidade de Conservação Ilha dos Macacos é um passo importante na proteção do meio ambiente e na promoção do desenvolvimento sustentável. A preservação da biodiversidade e a conservação dos recursos naturais são responsabilidades de todos. Por isso, é fundamental o engajamento da sociedade e o apoio das instituições governamentais para garantir a efetividade dessas áreas protegidas.

A criação da Unidade de Conservação em São Pedro da Aldeia é uma conquista para o município e uma oportunidade para demonstrar o compromisso com a sustentabilidade e a preservação ambiental. É uma iniciativa que deve ser valorizada e apoiada por toda a comunidade. A preservação do meio ambiente é um dever de todos e a criação de Unidades de Conservação é uma das formas mais eficazes de garantir a proteção dos nossos recursos naturais.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]