O que é e como se prevenir do golpe no Nubank

Golpe do Nubank: o que é e como se proteger?

Nubank é um dos bancos digitais mais populares no Brasil, mas também é um dos mais utilizados para a prática de golpes financeiros. Os criminosos se passam por atendentes do Nubank para ganhar a confiança das vítimas e aplicar diferentes táticas para comprometer a segurança digital delas.

O golpe do Nubank funciona da seguinte forma: um suposto atendente entra em contato com um correntista do banco e informa que foram detectadas movimentações financeiras suspeitas em sua conta. Com medo, as vítimas ficam desorientadas e são facilmente manipuladas pelos criminosos.

Para ganhar a confiança da vítima, os golpistas revelam dados pessoais que já possuem, como nome completo e data de nascimento, para passar a impressão de legitimidade. Em contrapartida, eles solicitam que os correntistas confirmem alguns dados, o que acaba levando ao comprometimento da segurança.

Algumas vítimas informam números de cartões de crédito, dígitos de segurança, CPF e outras informações que podem ser utilizadas para apreender o dinheiro delas, fazer compras em seus nomes e até mesmo abrir contas falsas para movimentar dinheiro ilegalmente.

Além disso, os golpistas também podem aplicar outras táticas, como informar sobre a existência de uma suposta dívida que precisa ser paga imediatamente por meio de um boleto emitido e enviado pelos criminosos, ou solicitar transferências ou PIX. Há também casos em que os golpistas manipulam as vítimas para acessar sites ou baixar aplicativos suspeitos, que na verdade são malwares projetados para roubar dados.

Os criminosos são sempre criativos e estão constantemente desenvolvendo novas estratégias para obter informações pessoais e financeiras das vítimas, como supostas atualizações de segurança, tentativas de invasão no aplicativo e compras não autorizadas. Por isso, é essencial estar atento para não se tornar mais uma vítima desses golpes.

Aqui estão algumas dicas importantes para se proteger contra esse tipo de golpe:

1. Nunca informe o número do seu cartão de crédito ou senha para terceiros.
2. Não baixe nem acesse aplicativos ou sites suspeitos.
3. Confira em seu aplicativo do Nubank se há alguma transação suspeita.
4. Jamais forneça dados pessoais, como CPF, RG e endereço.
5. Não realize transações financeiras orientadas por telefone.
6. Verifique se o número de telefone que está ligando é oficial do Nubank.
7. Saiba que os bancos não ligam para realizar “atualizações de segurança” ou para ajudar os clientes.
8. Se o contato for feito por e-mail, verifique se o endereço de e-mail está de acordo com o divulgado pelo Nubank.

Lembre-se de que nenhum banco solicitará que você faça uma transação financeira durante ou após um atendimento por telefone, como transferências, PIX ou pagamento de boletos, para quitar uma dívida que você desconhece. Além disso, os bancos não pedirão a confirmação de dados pessoais. Caso isso aconteça, desconfie e entre em contato com a instituição financeira para verificar a veracidade do pedido.

Caso você tenha sido vítima desse golpe, entre em contato imediatamente com o Nubank e registre um boletim de ocorrência para relatar o crime.

É importante ficar alerta e seguir essas dicas para evitar cair no golpe do Nubank ou qualquer outro tipo de golpe financeiro. Proteja suas informações pessoais e esteja sempre atento a qualquer sinal de atividade suspeita em sua conta bancária.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Felipe Rabello

Felipe Rabello

Felipe é um dos editores do Guia Região dos Lagos.

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]