Museu em Arraial do Cabo exibe artefatos de navios naufragados.

spot_img

O Museu Castorina Rodrigues Martins, localizado em , iniciou suas atividades com uma importante exposição de peças históricas. Além do motor do Zeppelin K-36, usado na Segunda Guerra Mundial e que caiu na ilha do Farol em 1944, o museu também expõe objetos encontrados no fundo do mar de dois navios naufragados no município, o “Thetis” e “Dona Paula”. Essas peças, como fechaduras, moedas e pregos, têm um grande valor histórico para a cidade.

De acordo com registros oficiais, a fragata “Thetis” partiu do Rio de Janeiro para a Inglaterra em dezembro de 1830, mas acabou se chocando com a ilha devido a um erro de cálculo e ao mau tempo. O navio levava os valores dos impostos cobrados pelo império britânico, além dos bens da tripulação e da própria embarcação. Já a fragata “Dona Paula”, da Marinha do Brasil, naufragou em 1827 na Ilha dos Franceses após um combate contra corsários.

Essas peças históricas serão expostas no Museu Castorina Rodrigues Martins por tempo indeterminado. O museu faz parte do recém-reinaugurado Centro Educacional e Cultural Manoel Camargo, que fica aberto das 8h às 22h, de segunda a sexta-feira.

A exposição desses objetos históricos é uma oportunidade única para os moradores e visitantes de conhecerem mais sobre a história marítima da região. O mergulhador Jorginho, responsável por encontrar as peças no fundo do mar, desempenhou um papel fundamental na preservação desse patrimônio histórico.

Além das peças dos navios naufragados, o museu também abriga o motor do Zeppelin K-36, que atrai a atenção dos visitantes por sua importância histórica. Essa aeronave foi usada durante a Segunda Guerra Mundial e ficou conhecida por sua participação na batalha. Sua queda na ilha do Farol em 1944 tornou-se um marco na história da região.

A reinauguração do Centro Educacional e Cultural Manoel Camargo, onde está localizado o Museu Castorina Rodrigues Martins, representa um avanço para a valorização da cultura e história de Arraial do Cabo. O local agora oferece aos moradores e turistas um espaço de conhecimento e lazer, contribuindo para o desenvolvimento cultural da cidade.

É importante que as pessoas aproveitem a oportunidade de visitar esse museu e conhecer de perto as peças históricas dos navios naufragados, além do motor do Zeppelin K-36. Essas exposições possibilitam uma conexão direta com o passado e permitem que todos possam entender a importância da preservação da história.

Portanto, se você está em Arraial do Cabo ou planeja visitar a cidade, não deixe de conhecer o Museu Castorina Rodrigues Martins e todas as suas exposições. Aproveite essa oportunidade para mergulhar na história marítima do município e apreciar as peças históricas que estão expostas. O museu está aberto das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira, e a visitação das peças históricas é por tempo indeterminado. Aproveite essa valiosa experiência cultural.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]