Meio Ambiente de Cabo Frio apresenta Projeto Tartamoios” em Tamoios nesta terça-feira (5)

Meio Ambiente de Cabo Frio lança “Projeto Tartamoios” nesta terça-feira (5), em Tamoios

Cabo Frio: Meio Ambiente de Cabo Frio lança “Projeto Tartamoios” nesta terça-feira (5), em Tamoios

O Projeto Tartamoios, que promove conscientização e disseminação de informações sobre a desova da tartaruga marinha da espécie Caretta caretta, será lançado nesta terça-feira (5) na Praia de Unamar, no distrito de Tamoios, em . A iniciativa é uma realização da Prefeitura de , por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Saneamento.

A Praia de Tamoios tem sido escolhida nos últimos anos como local de desova das tartarugas marinhas. Para garantir a preservação da espécie, a proteção dos espaços ambientais, como a restinga, é fundamental. Dessa forma, espera-se que o projeto proporcione um ambiente seguro para que as tartarugas continuem reproduzindo-se em Cabo Frio pelos próximos 300 anos.

Além de promover a conscientização e preservação das tartarugas marinhas, o Projeto Tartamoios conta com a participação da Escola Municipal Edith Castro, que auxiliará na distribuição de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica. Essa parceria contribui para a conservação do ecossistema local e incentiva a educação ambiental entre os estudantes.

Tartaruga-comum: uma espécie em perigo de extinção

A tartaruga-comum, também conhecida como tartaruga-marinha-comum, tartaruga-cabeçuda, tartaruga-mestiça e carebadura, é uma espécie que vive a maior parte de sua vida no habitat aquático. As fêmeas realizam a desova a cada 2 ou 3 anos, e seus filhotes são guiados pela luz do luar para chegar ao mar.

Infelizmente, a tartaruga-comum está em perigo de extinção, de acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza. Portanto, é fundamental a conscientização e proteção desses animais para garantir sua sobrevivência.

A escolha da Praia de Tamoios pelas tartarugas marinhas

A secretária de Meio Ambiente, Rosalice Fernandes, destaca que as tartarugas marinhas escolhem especificamente a Praia de Tamoios para realizar a desova. Nos últimos anos, essa escolha tem sido influenciada pelas mudanças climáticas.

Com as alterações ambientais, as tartarugas encontram na Praia de Tamoios um local mais propício e seguro para reprodução. Portanto, é de extrema importância que a restinga seja preservada, para que o ambiente continue adequado às necessidades dessas espécies em perigo.

Tartaruga marinha fazendo a desova

Parcerias importantes para o Projeto Tartamoios

O Projeto Tartamoios conta com o apoio do Projeto IuruKuá, do Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade (NUPEM) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), do Instituto EcoVida e do Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima. Essas parcerias são essenciais para o sucesso e alcance das ações propostas pelo projeto.

O Projeto IuruKuá é responsável por pesquisa e conservação da biodiversidade marinha, enquanto o NUPEM/UFRJ contribui com expertise científica. O Instituto EcoVida e o Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima agregam suporte e recursos para a realização das atividades.

Conscientização e preservação: desafios para o futuro

A conscientização sobre as espécies ameaçadas de extinção é um desafio importante para a preservação do meio ambiente. A escolha da Praia de Tamoios pelas tartarugas marinhas destaca a responsabilidade de Cabo Frio em manter o equilíbrio ecológico da região.

Ao promover o Projeto Tartamoios, a Prefeitura de Cabo Frio demonstra seu compromisso com a preservação da biodiversidade local. A distribuição de mudas de espécies nativas também contribui para o reflorestamento da Mata Atlântica, que é um bioma fundamental para o equilíbrio ambiental.

Portanto, é imprescindível o engajamento de toda a comunidade na conscientização e preservação das tartarugas marinhas e de seus hábitats. Somente com ação coletiva e comprometimento é possível garantir um futuro seguro para essas espécies em risco de extinção.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]