Maricá: Serviço Melhor em Casa realiza atendimentos residenciais a 120 pacientes em Maricá

Melhor em Casa oferece atendimentos domiciliares a 120 pacientes em Maricá

Maricá: Programa Melhor em Casa oferece atendimentos domiciliares a 120 pacientes

A Prefeitura de , através da Secretaria de Saúde, está acompanhando atualmente 120 pacientes nas residências pelo programa Melhor em Casa. Este programa, que faz parte do Serviço de Atenção Domiciliar (SAD) do Sistema Único de Saúde (SUS), oferece atendimentos a pessoas desospitalizadas, proporcionando assistência multiprofissional no conforto do lar para melhoria do quadro clínico.

O Melhor em Casa em é composto por duas Equipes Multiprofissionais de Atenção Domiciliar (EMAD), a Equipe Multiprofissional de Apoio (EMAP) e uma Equipe de Oxigenoterapia Domiciliar. Para ter acesso ao programa, é necessário o encaminhamento da Unidade de Saúde da Família (USF) de referência do usuário ou da unidade de Urgência e Emergência onde foi internado, a partir de avaliação clínica que indica essa assistência.

Abordagem multidisciplinar e humanização

Anderson Rodrigues, gerente do Melhor em Casa em Maricá, destacou a eficiência e o diferencial desse cuidado, que une abordagem multidisciplinar e humanização.

“O Melhor em Casa é um programa do Ministério da Saúde que foi habilitado no município em 2019. A proposta é desospitalizar pacientes com casos de média a alta complexidade, que estão ocupando leitos hospitalares e têm a possibilidade clínica de serem atendidos em domicílio. Ter a equipe multidisciplinar de saúde em casa possibilita a realização de procedimentos e a estabilização até a alta médica para a USF”, ressaltou Rodrigues.

Acompanhamento domiciliar proporciona melhora e autonomia

Um exemplo dos benefícios do programa é o caso de Wanderson Pereira, de 51 anos, acompanhado pelo Melhor em Casa em Maricá. Sua esposa, Maria José dos Santos Mariano, destacou o papel do acompanhamento no processo de melhora e na autonomia do esposo.

“Foi fundamental o tratamento que meu marido teve em casa, com toda a atenção dos profissionais e também o carinho da família. Ele teve muitas complicações e poucos acreditavam na sua reabilitação, mas com a ajuda da equipe meu esposo é um sobrevivente. Estou muito feliz com o atendimento recebido e só tenho a agradecer a todos”, afirmou Maria José.

Programa Melhor em Casa: tratamento domiciliar no conforto do lar

O programa Melhor em Casa oferece tratamento no conforto de casa por até 120 dias, com atendimentos semanais guiados por um plano terapêutico de intervenção das equipes. O perfil dos atendimentos abrange pacientes com sequelas graves, que sofreram traumas, acidente vascular encefálico (AVE), com doenças que afetam órgãos do sistema nervoso, em cuidados paliativos, assim como aqueles com diversos tipos de deficiência.

Além disso, os profissionais realizam a capacitação de um cuidador do paciente, que será uma pessoa da residência. Essa pessoa recebe todas as orientações necessárias, instruções que devem ser aplicadas diariamente e esclarece dúvidas sobre a ajuda que deve ser oferecida nas atividades cotidianas.

No último ano, o programa Melhor em Casa conquistou resultados expressivos em Maricá: foram realizadas 8 mil visitas domiciliares, oferecidas 300 altas médicas e realizadas 300 desospitalizações de pacientes. Através desse programa, é possível reduzir o tempo de internação, a taxa de reinternação, o risco de contaminação e de infecção hospitalar.

O programa Melhor em Casa é apenas uma das ações da Prefeitura de Maricá para oferecer atendimento de qualidade e humanizado na área da saúde. Com iniciativas como essa, é possível garantir que os pacientes recebam cuidados adequados no conforto de seus lares, aumentando sua qualidade de vida e promovendo a desospitalização.

Foto: (Nome da foto)

Fonte: Plantão Guia Região dos Lagos

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]