Maricá: Hospital de Maricá recebe heliponto para otimizar atendimentos

Hospital de Maricá ganha heliponto para agilizar atendimentos | Enfoco

O Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara, localizado em São José do Imbassaí, distrito de , na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, receberá um heliponto que promete agilizar o atendimento e salvar mais vidas. A iniciativa, que visa oferecer maior agilidade no transporte de órgãos e facilitar o socorro a pacientes e acidentados, conta com a parceria entre a Companhia de Desenvolvimento de (Codemar), o Serviços de Obras de Maricá (Somar) e o hospital.

As obras do heliponto, que terá uma área de 1.000 m², já foram iniciadas e a previsão é que o funcionamento comece aproximadamente 60 dias após a conclusão dos trabalhos. O espaço será operado pelo Aeroporto de Maricá, administrado pela Codemar, e terá capacidade para receber a aeronave Sikorsky S-92, o maior helicóptero em atividade no Brasil. Dessa forma, o Hospital Che Guevara se tornará o único hospital municipal a contar com um heliponto para aeronaves de grande porte.

A diretora de Operações da Codemar, Marta Magge, destaca que essa parceria busca exclusivamente preservar e salvar vidas, reduzindo o tempo das operações de pousos e decolagens de aeronaves de transporte aeromédico para resgate e salvamento. Além disso, a diretora ressalta que a captação de órgãos também ganhará agilidade com a implantação do heliponto, facilitando e dinamizando o interior do hospital.

Segundo Marta Magge, a logística e infraestrutura do Aeroporto Municipal de Maricá possibilitarão a operação do heliponto por meio de equipamentos 24 horas. Inicialmente, as operações serão realizadas de acordo com regras de voo visual, mas está projetado para que em um segundo momento seja possível operar em regras de voo por instrumento, com GPS para descidas em condições meteorológicas adversas.

O Superintendente de Operações da Codemar, Isaac Nascimento, adianta que a proposta é que o heliponto seja o primeiro em um hospital no Brasil a operar por instrumentos. Porém, isso dependerá da análise dos obstáculos nos arredores do local. O heliponto contará com toda a infraestrutura de segurança necessária, além de balizamento noturno para decolagens e pousos em qualquer horário.

As obras do platô para a implantação do heliponto estão sendo realizadas pelo Serviço de Obras de Maricá (Somar) e deverão ser concluídas nas próximas semanas. Após a finalização dessa etapa, o Aeroporto de Maricá dará início aos procedimentos junto aos órgãos reguladores, como o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), para que as operações do heliponto comecem.

Com essa iniciativa, o Hospital Dr. Ernesto Che Guevara se posiciona como um importante centro de atendimento de saúde na região, oferecendo mais agilidade em casos de emergências e resgates, além de contribuir para o transporte de órgãos e a captação de doações. A expectativa é que o heliponto se torne uma ferramenta essencial na estrutura de atendimento do hospital, garantindo a preservação de vidas e a melhoria da qualidade dos serviços oferecidos.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]