Maricá: Guarda Municipal salva cobra de dois metros em Jardim Interlagos

Maricá: Guarda Municipal resgata jiboia de dois metros em Jardim Interlagos

**: Guarda Municipal resgata jiboia de dois metros em Jardim Interlagos**

No último domingo (14/04), guardas municipais do Grupamento Especial de Defesa Ambiental de (Gedam) foram acionados para resgatar uma jiboia de aproximadamente dois metros. O animal estava em um terreno onde está sendo realizada uma obra, localizado no bairro de Jardim Interlagos. O proprietário entrou em contato com a guarda solicitando apoio.

O resgate da serpente foi realizado sem nenhum ferimento ao animal, graças à eficiência e cautela dos agentes. Após a captura, a jiboia foi devolvida ao seu habitat natural em uma área de mata na região da Restinga.

É importante ressaltar a atuação da Guarda Municipal de Maricá na proteção da fauna local. Além do resgate de animais silvestres, a população também pode acionar a patrulha ambiental para situações de risco, como animais em área urbana da cidade. O canal de atendimento funciona 24 horas por dia e pode ser contatado pelos telefones 153 ou (21) 98609-1516 (Disque-Seop).

No entanto, a orientação é que a população evite qualquer tipo de intervenção nos animais silvestres para garantir a segurança dos bichos, dos agentes e dos moradores. O resgate deve ser realizado de maneira segura, sempre pelos profissionais capacitados da guarda municipal.

Essa ação da Guarda Municipal de Maricá é fundamental para preservar a biodiversidade da região. Ao resgatar animais em situações de risco, a equipe contribui para a conservação da fauna local e evita possíveis acidentes envolvendo a população e os animais silvestres.

A jiboia, também conhecida como “cobra-d'água”, é uma espécie não-venenosa e faz parte da fauna brasileira. Ela é encontrada em diversos biomas, como florestas tropicais, cerrados e matas ciliares. Sua presença é um indicativo de que o ecossistema está saudável, uma vez que ela é um predador de roedores, ajudando no controle populacional desses animais.

No entanto, muitas vezes a presença de uma jiboia pode causar medo e preocupação nas pessoas. Por isso, é fundamental que a população esteja bem informada sobre o comportamento desses animais e como agir em caso de encontro com uma jiboia.

Ao deparar-se com uma jiboia, a primeira recomendação é manter a calma e não tentar agir de forma agressiva ou interferir no animal. Essas cobras não são agressivas e não representam perigo para os seres humanos, desde que não se sintam ameaçadas.

Caso encontre uma jiboia em área urbana ou em situação de risco, o ideal é acionar imediatamente a patrulha ambiental da guarda municipal, como destacado anteriormente.

É importante destacar que a presença de animais silvestres em áreas urbanas é cada vez mais comum devido ao avanço da urbanização. A perda de habitat é uma das principais causas dessa invasão, e cabe às autoridades competentes, como a Guarda Municipal, garantir a segurança desses animais e da população envolvida.

A atuação da Guarda Municipal de Maricá foi fundamental para o resgate seguro da jiboia encontrada no terreno em Jardim Interlagos. Essa ação demonstra a importância do trabalho conjunto entre a população e as autoridades para garantir a preservação da fauna e o bem-estar de todos.

As imagens utilizadas nesta notícia são de autoria desconhecida.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]