Macaé: Cidade de Macaé aumenta esforços contra o mosquito transmissor da dengue antes do Carnaval.

Macaé intensifica combate ao Aedes aegypti com Operação Pré-Carnaval | Macaé

Macaé intensifica combate ao Aedes aegypti com Operação Pré-Carnaval

Com o objetivo de evitar a proliferação do Aedes aegypti e garantir um Carnaval mais seguro para todos, a Coordenadoria Especial de Vigilância Ambiental em Saúde (Cevas) da Secretaria de Saúde de realizará, entre os dias 5 e 8 de fevereiro, a “Operação Pré-Carnaval”. A ação faz parte da Campanha “Tem Aedes por aí? Não deixe o mosquito se criar na sua casa!” e busca orientar ações preventivas, especialmente no período em que muitas pessoas viajam e deixam suas residências fechadas.

Prevenção contra a Dengue: Operação pré-carnaval de combate ao Aedes – Foto: Divulgação

Agentes de endemias percorrerão os locais de maior concentração

Os agentes de endemias percorrerão os locais onde ocorrerá o “Carnaval da Alegria 2024”, incluindo o Bar do Coco, Praias dos Cavaleiros e Imbetiba, além dos distritos de Glicério e Sana, na região serrana. A equipe atuará no combate não apenas ao Aedes aegypti, mas também ao caramujo africano e roedores.

A Cevas seguirá critérios técnicos padronizados pelo Ministério da Saúde, realizando a aplicação com carro fumacê em nove bairros. Os horários do carro fumacê, às 5h e 18h, foram escolhidos de acordo com os hábitos do mosquito. Durante a aplicação, os moradores devem abrir portas e janelas, cobrir gaiolas, aquários e alimentos. Em caso de chuva ou vento forte, o cronograma será alterado.

Além disso, ao longo da semana, estão previstas visitas em empresas, borracharias, ferros velhos e órgãos públicos, com orientações, tratamento focal com aplicação de larvicida, identificação e eliminação de criadouros do mosquito. O trabalho de controle de roedores também será realizado, atendendo a reclamações em diversos bairros.

População deve reforçar medidas preventivas

Como parte da programação da “Operação Pré-Carnaval” – “Brinque o Carnaval. Mas não brinque com o mosquito” -, a equipe da Cevas participará do “Grito de Carnaval” no dia 7 de fevereiro, na Praça Veríssimo de Melo, a partir das 9h, do “Caps Folia – Bloco de Perto Ninguém é Normal”.

A população que vai viajar durante o Carnaval é orientada a fazer uma vistoria em suas casas, cobrindo caixas d'água, tonéis, colocando areia nos pratinhos de plantas e eliminando qualquer depósito que possa acumular água. O coordenador da Cevas, Luan Campos, ressalta que 75% dos focos do mosquito estão nas casas.

A Gerente de Vigilância em Saúde, Elenice Sales, destaca a realização de diversas ações coordenadas com órgãos públicos e privados, visando à vigilância epidemiológica da dengue. Solicitações e denúncias podem ser feitas à Coordenadoria Especial de Vigilância em Saúde, localizada à Rua Vereador Manoel Braga nº 425, Centro de , pelo email cevas@macae.rj.gov.br ou pelo Disque Dengue (0800-022-6461) e WhatsApp Aedes (22) 2772-6461.

Conscientização e prevenção

A Operação Pré-Carnaval em Macaé reforça a importância da conscientização e prevenção para combater a proliferação do Aedes aegypti. O mosquito é transmissor de doenças como dengue, zika e chikungunya, e sua atuação pode trazer graves consequências para a saúde da população.

É fundamental que todos façam a sua parte, adotando medidas simples no dia a dia para evitar que o mosquito se reproduza. Além das ações realizadas pelos agentes de endemias, cada indivíduo deve estar atento aos cuidados básicos, como eliminar recipientes que acumulam água parada, manter caixas d'água e tonéis bem fechados, e utilizar repelente.

O momento do Carnaval, em que há uma maior circulação de pessoas e aumento das atividades ao ar livre, requer uma atenção especial, pois é nesse período que os mosquitos encontram condições favoráveis para se desenvolverem. Por isso, é importante que todos estejam engajados na prevenção, protegendo-se e eliminando os possíveis focos de reprodução do Aedes aegypti.

Com medidas simples, é possível reduzir o risco de transmissão dessas doenças e garantir um Carnaval mais seguro e saudável para todos os foliões. A população de Macaé pode contar com a atuação da equipe da Cevas e dos órgãos de saúde para orientações e combate ao mosquito.

Portanto, é fundamental que todos estejam atentos e sigam as recomendações para combater o Aedes aegypti. A prevenção é a melhor forma de evitar a propagação dessas doenças e garantir a segurança de todos durante o Carnaval e em todas as épocas do ano.

Fonte da Notícia: Plantão Guia Região dos Lagos

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]