Menu

> Cidades

[wilcity_quick_search_form_shortcode]

Holanda inaugura duas novas ciclovias sustentáveis

ciclovia solar na holanda

Holanda inaugura mais duas ciclovias solares

A Holanda é conhecida por ser um dos países mais amigáveis ao ciclismo e está sempre buscando maneiras de promover a mobilidade sustentável e reduzir as emissões de gases de efeito estufa. Recentemente, o país inaugurou duas ciclovias equipadas com módulos fotovoltaicos, nas províncias de Brabante do Norte e Holanda do Norte, que também contribuirão para a geração de energia limpa.

Esses projetos fazem parte de uma iniciativa lançada em 2018 pela Rijkswaterstaat, órgão ligado ao Ministério Holandês de Infraestrutura e Meio Ambiente. Essa é a primeira ação do tipo no país envolvendo ciclovias solares. As células solares são protegidas por uma multicamada de resina e a arquitetura elétrica foi projetada para reduzir a quantidade de fiação. A construção foi realizada em parceria entre a empresa francesa Colas e a empreiteira holandesa BAM Royal Group.

Cada uma das ciclovias tem mil metros quadrados de painéis solares, com uma eficiência energética de 21% por metro quadrado. Juntas, as ciclovias produzirão 160 MWh de energia renovável durante o primeiro ano. Além disso, as vias serão monitoradas e mantidas por pelo menos 5 anos.

Essa não é a primeira vez que a Holanda utiliza a tecnologia de ciclovias solares. Em 2016, o país construiu uma ciclovia com painéis solares próxima de Amsterdã, e em 2020 a cidade de Utrecht também ganhou sua ciclovia solar.

Essa tecnologia de revestimento fotovoltaico vem evoluindo com as diferentes ciclovias implementadas no país e já atingiu um estágio avançado de maturidade, abrindo caminho para seu lançamento comercial a partir de 2019, segundo a Colas. A empresa afirma que essa experiência única no mercado de revestimento fotovoltaico pronto para tráfego permite avanços tecnológicos e práticos para melhorar a vida útil das instalações e torná-las mais competitivas.

Transformar vias de trânsito em áreas para a geração de energia limpa é uma solução que pode ajudar a enfrentar o desafio de produzir energia renovável em um país com poucas terras disponíveis. As ciclovias se mostram uma ótima alternativa para o uso dessa tecnologia, já que a Holanda possui aproximadamente 35 mil km dessas vias e as bicicletas não são tão pesadas quanto carros ou outros veículos motorizados.

Além das ciclovias solares, o governo holandês também está desenvolvendo um projeto chamado “Zon op Infra”, que avalia a possibilidade de produzir energia solar em infraestruturas rodoviárias, como rodovias e barreiras acústicas. Nos últimos anos, institutos de pesquisa e empresas privadas vêm buscando formas de viabilizar projetos solares em terras não agrícolas, incluindo diques, telhados e superfícies de água.

Com a inauguração das duas novas ciclovias solares, a Holanda reforça seu compromisso com a sustentabilidade e se consolida como um exemplo mundial de mobilidade urbana e energias renováveis. Espera-se que essa iniciativa inspire outros países a adotarem soluções semelhantes, contribuindo para a redução das emissões de gases de efeito estufa e o combate às mudanças climáticas.

Fonte: Guia Região dos Lagos

Imagens:
– Ciclovia solar na Holanda: [inserir código HTML da imagem](https://ciclovivo.com.br/wp-content/uploads/2024/01/ciclovia-solar-holanda-1024×684.jpeg)
– Ciclovia coberta por painéis solares: [inserir código HTML da imagem](https://ciclovivo.com.br/wp-content/uploads/2020/05/cycle-path-3881171_1280-1024×533.jpg)
– Projeção de ciclovia coberta por painéis solares: [inserir código HTML da imagem](https://ciclovivo.com.br/wp-content/uploads/2022/12/Visualiserung-Solar-Radweguberdachung-Seitenansicht-1024×683.jpg)

Ajude-nos e avalie esta notícia.

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]