Entenda o conceito, utilidade e funcionamento do acesso em uma rede particular – Tecnoblog

VPN permite que você utilize outra conexão e traz segurança em Wi-Fi público

O que é VPN e como funciona essa tecnologia?

VPN, ou Rede Virtual Privada em português, é uma tecnologia que permite que os usuários acessem redes privadas e compartilhem dados de forma segura e privada pela internet. É uma conexão criptografada que estabelece uma ligação entre dois dispositivos conectados através da internet.

As VPNs são amplamente utilizadas por empresas para permitir que seus funcionários acessem redes corporativas com segurança mesmo estando em locais remotos. Ao se conectar a uma VPN, o dispositivo estabelece uma conexão com um servidor remoto, que pode ser feito através de um software específico ou pelas configurações do próprio dispositivo.

Uma VPN serve para acessar redes diferentes da sua, seja corporativa ou apenas para utilizar uma conexão à internet de outro local. No meio corporativo, os funcionários podem se conectar à rede da matriz de qualquer lugar do mundo, utilizando a internet, sem a necessidade de conexão dedicada entre a origem e o destino. Isso permite o compartilhamento de arquivos e o acesso a servidores que não são públicos na internet.

Para usuários domésticos, uma VPN é útil para acessar uma conexão de internet diferente da sua. Isso pode ser útil para proteger o acesso em redes Wi-Fi públicas ou para se conectar a servidores de VPN de outros países e desbloquear conteúdos restritos à sua região.

Ao se conectar a uma VPN, a conexão é estabelecida entre o dispositivo e o servidor, e a partir desse momento, os dados passam a ser trocados utilizando a rede do servidor em vez da rede local em que o dispositivo está conectado. Os dados são criptografados, o que melhora a segurança em redes desconhecidas.

É possível utilizar uma VPN em diversos dispositivos, como celular, tablet, computador, TV Box e algumas smart TVs. Além disso, também é possível criar um servidor VPN na empresa para disponibilizar acesso remoto à rede aos funcionários.

Existem diferentes tipos de VPN disponíveis no mercado. As VPNs corporativas são utilizadas em ambientes empresariais para conectar dispositivos de forma remota a uma rede interna. Além de garantir a segurança na troca de dados, essas VPNs permitem acessar plataformas internas e compartilhar arquivos e impressoras.

As VPNs para uso na internet são serviços comerciais, gratuitos ou pagos, que permitem utilizar outra conexão com a internet. Esses serviços geralmente têm foco na segurança e também podem ser usados para contornar restrições geográficas de conteúdo.

Já as VPNs para jogos, como o ExitLag, NoPing e WTFast, são serviços que prometem encontrar a melhor rota de tráfego para otimizar a latência e a experiência em jogos online.

Quanto à segurança ao utilizar uma VPN, é importante verificar quais protocolos de criptografia são utilizados. Nas VPNs corporativas, é necessário certificar-se de que elas utilizam protocolos seguros como OpenVPN, L2TP/IPSec, IKEv2 ou WireGuard. Nos serviços públicos, é importante ler e entender a política de tratamento de dados de cada provedor.

Quanto à gratuidade das VPNs, existem serviços gratuitos disponíveis no mercado, como o TunnelBear, ProtonVPN e Cloudflare Warp. No entanto, esses serviços geralmente têm limitações e são menos seguros. Portanto, é importante pesquisar e escolher provedores com boa reputação e políticas claras sobre o tratamento de dados.

Quanto à possibilidade de roubo de dados em uma VPN, é importante ressaltar que o tráfego de internet é desviado para os servidores da empresa que fornece o serviço. Isso significa que é possível coletar dados como histórico de navegação e endereço de IP. Além disso, alguns serviços de VPN podem conter malware, por isso é importante utilizar um provedor confiável.

É importante destacar a diferença entre VPN e Proxy. Ambas as tecnologias permitem o redirecionamento de tráfego, mas a principal diferença é a segurança. Enquanto um proxy oculta apenas o endereço de IP, uma VPN também oculta a localização do usuário e dificulta sua identificação.

Em resumo, uma VPN é uma tecnologia essencial para garantir a segurança e privacidade dos dados ao acessar redes privadas e compartilhar informações pela internet. É importante escolher uma VPN confiável, tanto para uso corporativo quanto pessoal, e estar ciente dos riscos e cuidados necessários ao utilizá-la.

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Felipe Rabello

Felipe Rabello

Felipe é um dos editores do Guia Região dos Lagos.

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]