Cabo Frio: Hospital da Mulher recebe ações da campanha Janeiro Branco com bate-papo para equipes e pacientes.

Campanha Janeiro Branco chega ao Hospital da Mulher de Cabo Frio com roda de conversa para profissionais e pacientes

Cabo Frio: Hospital da Mulher promove rodas de conversa sobre saúde mental na Campanha Janeiro Branco

Nesta sexta-feira (26), o Hospital Municipal da Mulher, em , promoveu duas rodas de conversa com o objetivo de conscientizar pacientes e profissionais da unidade sobre a importância da saúde mental, como parte das atividades da Campanha Janeiro Branco.

Hospital Municipal da Mulher em

Roda de Conversa sobre “Baby Blues”

A primeira roda de conversa abordou o tema “Baby Blues”, que trata de um conjunto de condições enfrentadas pelas puérperas no pós-parto. O objetivo foi discutir e informar as participantes sobre os desafios emocionais que podem surgir nesse período.

O Baby Blues é uma condição comum que afeta muitas mulheres logo após o parto. É caracterizado por sentimentos de tristeza, irritabilidade e ansiedade, além de alterações de humor repentinas. Esses sintomas geralmente desaparecem por conta própria em poucas semanas, mas é importante que as mulheres sejam informadas sobre o assunto e recebam o apoio necessário.

Roda de Conversa sobre “Autoestima”

A segunda roda de conversa teve como foco o tema “Autoestima”. Com a participação das psicólogas Erika Barbosa, Luciana Mello e Lorena Fernandes, foram abordadas questões relacionadas à valorização pessoal e ao cuidado com a autoimagem.

A autoestima é um aspecto fundamental da saúde mental e pode ser impactada por diversos fatores, como padrões de beleza impostos pela sociedade, experiências passadas e autocrítica excessiva. Promover a reflexão sobre a importância da autoestima e fornecer ferramentas para o fortalecimento dessa área é essencial para o bem-estar emocional.

Campanha Janeiro Branco

A Campanha Janeiro Branco é uma ação nacional que tem como objetivo chamar a atenção para a importância da saúde mental, promovendo discussões sobre o tema e incentivando a busca por ajuda profissional quando necessário. A iniciativa busca quebrar tabus e estigmas associados aos transtornos mentais, além de conscientizar a população sobre a importância de cuidar da saúde emocional.

No Hospital Municipal da Mulher de Cabo Frio, a campanha teve um enfoque especial, oferecendo rodas de conversa como forma de informar e orientar os pacientes e profissionais de saúde sobre diferentes aspectos da saúde mental.

Saúde mental no pós-parto

O período pós-parto é um momento de grandes mudanças e desafios emocionais para as mulheres. Além das transformações físicas e hormonais, é comum que elas enfrentem uma série de sentimentos e preocupações relacionados à maternidade.

O Baby Blues, mencionado anteriormente, é uma condição bastante comum nesse período e costuma ser passageira. No entanto, é importante ressaltar que algumas mulheres podem desenvolver um quadro mais severo, conhecido como depressão pós-parto. Essa condição requer um acompanhamento médico adequado e uma rede de apoio consistente.

Além disso, é fundamental que as mulheres se sintam amparadas e recebam o suporte necessário durante o pós-parto. A saúde mental nesse período deve ser cuidada e discutida abertamente, para que as mulheres se sintam à vontade para buscar ajuda quando necessário.

A iniciativa do Hospital Municipal da Mulher de Cabo Frio em promover rodas de conversa sobre saúde mental é louvável, pois contribui para a disseminação de informações e conscientização sobre o tema. Ao informar e orientar pacientes e profissionais de saúde, a unidade promove uma abordagem mais holística e humanizada da saúde, incluindo a saúde mental como parte integrante desse cuidado.

Ao promover a Campanha Janeiro Branco e oferecer espaços de diálogo, o Hospital da Mulher de Cabo Frio mostra seu comprometimento com a saúde e o bem-estar da comunidade, demonstrando a importância de tratar não apenas as condições físicas, mas também as emocionais.

A conscientização sobre a saúde mental é fundamental para combater temas como o estigma e a discriminação, além de promover uma sociedade mais acolhedora e empática. Ações como essa contribuem para que mais pessoas tenham acesso a informações e apoio, além de incentivar a busca por ajuda profissional quando necessário.

Portanto, iniciativas que visam promover a saúde mental e proporcionar espaços de diálogo são essenciais para criar uma rede de apoio sólida e ajudar a construir uma sociedade mais saudável emocionalmente.

Fotos:

Hospital Municipal da Mulher em Cabo Frio
Hospital Municipal da Mulher em Cabo Frio
Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]