Cabo Frio: Corpo de criança falecida em incêndio é identificado e liberado

spot_img

Corpo de criança morta em incêndio é reconhecido e liberado em

O corpo da criança de 11 anos que morreu carbonizada dentro de uma casa no bairro Jardim Esperança, em , na noite deste domingo (26) foi reconhecido pela família e liberado. Segundo informações do IML da cidade, a avó do menor teria comparecido ao local e reconhecido o corpo, que teria sido liberado e conduzido para o município de Campos dos Goytacazes. Até o momento, a identidade da vítima ainda não foi divulgada. O caso está sendo investigado pela 126ª DP.

A tragédia ocorreu na Avenida Central, próximo ao cemitério do bairro. O Corpo de Bombeiros foi acionado para atender a ocorrência e, ao chegar ao local, as chamas já estavam em estágio avançado. Infelizmente, a criança estava sozinha no momento do incidente e foi encontrada sem vida dentro da casa. O Corpo de Bombeiros realizou o rescaldo do incêndio e a perícia foi acionada para investigar as causas.

A perda trágica de uma criança abala profundamente a comunidade e gera muita comoção. É importante lembrar a importância de medidas de prevenção de incêndios em residências, como a instalação de sistemas de alarme, extintores de incêndio, e a adoção de regras básicas de segurança, como evitar o uso de velas acesas e conferir constantemente o estado das instalações elétricas.

Além disso, é essencial que a população esteja atenta à questão do atendimento a emergências. Nesses casos, acionar imediatamente o Corpo de Bombeiros pode fazer a diferença entre a vida e a morte. Por isso, sempre esteja atento aos números de emergência da sua região e oriente as crianças a não mexerem com fogo ou equipamentos perigosos.

Infelizmente, as estatísticas de incêndios em residências ainda são alarmantes no Brasil. Segundo o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), ocorrem cerca de 23,5 mil incêndios em residências por ano no país, causando mais de 560 mortes. Esses números reforçam a importância de medidas de prevenção e conscientização sobre o tema.

Nesse momento de dor e tristeza, é fundamental que a comunidade se una para prestar apoio às famílias enlutadas. Atitudes solidárias, como doações de roupas e alimentos, podem fazer toda a diferença no processo de superação dessa tragédia. Além disso, é necessário que as autoridades investiguem minuciosamente as causas do incêndio para evitar que situações semelhantes ocorram no futuro.

A perda de uma criança de forma tão trágica nos lembra da fragilidade da vida e da importância de valorizarmos cada momento com nossos entes queridos. Que essa tragédia em Cabo Frio sirva de alerta para a adoção de medidas de segurança e prevenção de incêndios em todas as residências, garantindo a integridade e a preservação da vida de todos os moradores.

Imagem 1:

Imagem 2:

Fotos: Guia Região dos Lagos

Imagem 3:

Fotos: Guia Região dos Lagos

Imagem 4:

Fotos: Guia Região dos Lagos

Imagem 5:

Fotos: Guia Região dos Lagos
Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]