Bebê de Niterói que sumiu é encontrada em Búzios

Bebê de Niterói que estava desaparecida é encontrada em Búzios | Enfoco

Bebê de Niterói que estava desaparecida é encontrada em Búzios

A bebê de 4 meses que estava desaparecida desde outubro do ano passado foi encontrada por agentes da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) no último sábado (3). A mulher que estava com a criança foi presa em flagrante pelo crime de uso de documento falso na cidade de , na Região dos Lagos. A criança foi devolvida para a família materna com o acompanhamento do Conselho Tutelar local.

A história teve início em outubro de 2020, quando uma adolescente e sua filha bebê desapareceram em Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. A DHNSG iniciou as investigações e recebeu informações que levaram ao paradeiro da criança em Búzios. Após seguirem as pistas, os agentes encontraram a mulher que estava com a bebê e realizaram a abordagem.

Ao ser questionada, a mulher alegou ser a mãe da criança e apresentou documentos que posteriormente foram identificados como falsos. Durante o interrogatório na delegacia, ela acabou confessando que a bebê era, na verdade, filha da adolescente desaparecida. Diante disso, a mulher recebeu voz de prisão e foi conduzida para a sede da DHNSG.

A bebê, que estava com 4 meses na época de seu desaparecimento, foi entregue à sua família. O Conselho Tutelar local acompanhou todo o processo para garantir o bem-estar da criança. Agora, as investigações seguem para esclarecer o que aconteceu com a mãe da bebê e o possível envolvimento de outras pessoas no caso.

Desaparecimento e investigações

O desaparecimento da adolescente e sua filha bebê ocorreu em outubro de 2020, na cidade de Niterói, no estado do Rio de Janeiro. A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí iniciou as investigações para localizar as duas vítimas.

Após receberem informações sobre o paradeiro da bebê, os agentes da DHNSG se dirigiram à cidade de Búzios, na Região dos Lagos. Lá, encontraram a mulher que estava com a criança e que afirmava ser sua mãe. No entanto, ao apresentar os documentos da criança, foi constatado que eram falsos.

A partir do interrogatório na delegacia, a mulher confessou que a bebê era filha da adolescente desaparecida. Com base nessa confissão, ela foi presa em flagrante pelo crime de uso de documento falso.

Reencontro com a família

Após ser encontrada, a bebê foi devolvida para a família materna, que contou com o acompanhamento do Conselho Tutelar local. O objetivo do acompanhamento é garantir o bem-estar e a proteção da criança após o período de desaparecimento.

O reencontro da bebê com seus familiares traz alívio e esperança para todos que estavam envolvidos na busca. A família poderá agora cuidar e proteger a criança, proporcionando-lhe um ambiente seguro e amoroso.

Investigações em andamento

As investigações sobre o desaparecimento da adolescente e sua filha continuam em andamento. O objetivo é esclarecer todos os detalhes do caso, incluindo o que aconteceu com a mãe da bebê e se há o envolvimento de outras pessoas.

A DHNSG está empenhada em encontrar respostas e garantir que a justiça seja feita. Com o apoio de informações da população e o trabalho incansável dos agentes, espera-se que todos os fatos sejam esclarecidos e aqueles responsáveis sejam responsabilizados pelos seus atos.

O desaparecimento de uma adolescente e sua filha bebê é um episódio angustiante que traz à tona a importância de se manter vigilante e unido para proteger as crianças e jovens de nossa sociedade. É fundamental que casos como esse sejam levados a sério e investigados com rigor, para que outras famílias não passem pelo mesmo sofrimento.

O reencontro da bebê de Niterói com sua família é motivo de comemoração, mas também de reflexão sobre a necessidade de prevenir situações de desaparecimento e garantir a segurança de todas as crianças. A sociedade como um todo deve permanecer atenta e pronta para agir em casos suspeitos, sempre priorizando o cuidado e o bem-estar dos mais vulneráveis.

Fonte: Guia Região dos Lagos

Imagens:


A bebê de 4 meses foi encontrada por agentes da DHNSG


Arquivo/Lucas Alvarenga

Arquivo/Lucas Alvarenga


Fonte: Guia Região dos Lagos

Fonte: Guia Região dos Lagos

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]