Agentes de Fiscalização Ambiental e Unidade de Conservação realizam inspeção rigorosa na praia da Azeda, em Búzios

spot_img

Búzios: Operação de conscientização na Praia da Azeda para proibir a entrada de garrafas de vidro.

No último final de semana, o setor de Unidade de Conservação da Secretaria do Ambiente e Urbanismo, juntamente com os Agentes de Postura, realizaram uma operação de conscientização aos banhistas sobre a entrada de garrafas de vidro na Praia da Azeda, em Búzios.

Os banhistas que chegaram à entrada da praia foram instruídos a não entrarem na praia com garrafas de vidro, conforme o decreto 1.321 de 2019. Essa medida é de extrema importância, pois a presença de vidro nas praias é perigosa. Além de impactar a preservação da natureza, causando danos à fauna e flora, a presença de vidro também representa riscos à qualidade de vida da população, podendo causar acidentes graves.

A Praia da Azeda, onde ocorreu a operação, possui o Selo Bandeira Azul, que é um reconhecimento internacional concedido às praias que atendem a rigorosos padrões de qualidade ambiental, segurança, educação e gestão. Essa certificação não apenas destaca a qualidade da praia, mas também promove benefícios como o turismo sustentável, contribuindo para o desenvolvimento econômico e a preservação do meio ambiente.

A presença de garrafas de vidro em praias representa um problema ambiental significativo. Além dos acúmulos de resíduos que impactam negativamente a natureza, a quebra dessas garrafas pode causar ferimentos graves em banhistas, prejudicando a experiência de lazer e colocando em risco a saúde das pessoas. Por isso, é fundamental seguir as orientações e evitar levar garrafas de vidro para as praias.

A operação de conscientização realizada pela Unidade de Conservação da Secretaria do Ambiente e Urbanismo, em parceria com os Agentes de Postura, tem como objetivo alertar os banhistas sobre a importância de preservar a praia e garantir a segurança de todos. Essas ações são essenciais para conscientizar a população e garantir que as praias mantenham sua beleza natural, proporcionando momentos de lazer e descanso em um ambiente seguro e livre de riscos.

Além disso, é importante ressaltar que a conscientização sobre a preservação do meio ambiente também é fundamental para a sustentabilidade do turismo na região. Búzios é uma cidade conhecida internacionalmente por suas belas praias e atrativos naturais, e a preservação desses recursos é essencial para atrair turistas e garantir a geração de empregos e renda para a população local.

Portanto, a proibição da entrada de garrafas de vidro na Praia da Azeda, em Búzios, é uma medida importante para preservar a natureza, proteger a fauna e flora presentes no local e garantir a segurança e qualidade de vida da população. A conscientização dos banhistas sobre essa questão é essencial para que todos possam desfrutar das belezas naturais da região de forma responsável e sustentável.

(Fonte: Guia Região dos Lagos)

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]