Menu

> Cidades

[wilcity_quick_search_form_shortcode]

Açougueiro de São Pedro da Aldeia é detido após roubar cerca de 10kg de carne

Açougueiro é preso em flagrante por furtar cerca de 10kg de carne em São Pedro da Aldeia | São Pedro da Aldeia

Açougueiro é preso em flagrante por furtar cerca de 10kg de carne em São Pedro da Aldeia

No dia 17 de março, um açougueiro foi preso em flagrante por furtar carne de um supermercado em , uma cidade localizada na região dos Lagos, no estado do Rio de Janeiro.

De acordo com informações da Polícia Civil, o proprietário do estabelecimento, situado no bairro Campo Redondo, denunciou o funcionário F.L., alegando que ele estaria subtraindo carnes do local para revender a terceiros.

Os agentes da 125ª Delegacia de Polícia analisaram as imagens das câmeras internas do supermercado e conseguiram identificar o acusado. Com base nessas evidências, a equipe se dirigiu ao estabelecimento e encontrou o funcionário no açougue.

Após ser abordado pelos policiais, o açougueiro levou os agentes até o veículo dele, onde foi realizada uma busca. Durante a revista, os policiais encontraram uma caixa térmica contendo pedaços de carne embrulhados em plástico filme, tal como registrado nas imagens das câmeras de segurança.

Inicialmente, o suspeito afirmou que havia comprado a carne do próprio mercado, mas posteriormente confessou que a subtraiu do estabelecimento. Na caixa térmica, foram encontrados aproximadamente 10kg de carne.

O açougueiro foi preso em flagrante e deverá responder pelo crime de furto qualificado pelo abuso de confiança.

Ação criminosa de um funcionário de confiança

Esse caso chama atenção pelo fato de o acusado ser um funcionário de confiança do estabelecimento, o que facilitou a realização do crime. O açougueiro tinha acesso aos produtos do supermercado e aproveitou da sua posição para subtrair carne e revendê-la.

Essa situação é preocupante, pois demonstra a importância de uma empresa ter controles internos rígidos para evitar a ocorrência desses crimes. É fundamental que os proprietários e gestores estejam sempre atentos e adotem medidas preventivas, como a revisão periódica dos estoques e a instalação de sistemas de monitoramento por câmeras.

O caso também alerta para a importância de denunciar atos suspeitos. O dono do supermercado percebeu a movimentação irregular e imediatamente denunciou o funcionário à polícia, possibilitando a investigação e a prisão em flagrante.

Punição para o criminoso

O acusado responderá pelo crime de furto qualificado pelo abuso de confiança, que está previsto no artigo 155, parágrafo 4º, inciso II do Código Penal Brasileiro. Segundo a legislação, essa modalidade de furto ocorre quando a subtração do bem é realizada por alguém que tem acesso facilitado ao local do crime, em razão de seu cargo ou função.

A pena para esse crime pode variar de 2 a 8 anos de reclusão, além de multa. No caso do açougueiro, a gravidade do delito é agravada pelo fato de ele ser funcionário do supermercado, o que caracteriza o abuso de confiança.

Conclusão

O caso do açougueiro preso em flagrante por furto de carne em serve como exemplo de que é necessário estar sempre vigilante quando se trata da segurança dos estabelecimentos comerciais. Crimes como esse podem causar prejuízos financeiros significativos para os empresários, além de abalar a confiança dos consumidores.

É fundamental que os proprietários adotem medidas de segurança, como a implantação de sistemas de monitoramento e a realização de inspeções regulares nos estoques. Além disso, é importante que os funcionários sejam bem treinados e conscientizados sobre a importância da ética profissional e da honestidade.

A prisão desse açougueiro demonstra que a Justiça está atenta a esses casos e que o crime não compensa. Aqueles que se arriscam em práticas ilícitas serão identificados, investigados e, se comprovada a culpa, devidamente punidos pela lei. A confiança da sociedade na segurança pública depende da atuação firme das autoridades competentes para garantir a tranquilidade e a integridade dos cidadãos.

Fonte da Notícia: Plantão Guia Região dos Lagos

Imagem 1:

Imagem 2:

Caixa térmica com carne furtada

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Bruno Rodrigo Souza

Bruno Rodrigo Souza

Bruno é Fundador e Editor no Guia Região dos Lagos

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]