TikTok ampliará combate a fake news antes de eleições na UE

TikTok intensificará a luta contra notícias falsas antes das eleições na UE

O TikTok anunciou nesta quarta-feira que irá intensificar seus esforços para combater notícias falsas e operações de influência secreta antes das eleições para o Parlamento Europeu, que ocorrerão em junho. A plataforma de mídia social, de propriedade da ByteDance, lançará um aplicativo no idioma local em todos os 27 países da União Europeia como parte de sua iniciativa.

A medida vem como uma resposta ao aumento da disseminação de notícias falsas e desinformação no contexto político. O TikTok já havia implementado centros eleitorais em alguns países como Grécia, Holanda, Polônia, Eslováquia e Espanha durante suas respectivas eleições. Agora, a plataforma expandirá esses centros para todos os 27 países da UE, a fim de ajudar a garantir eleições mais justas e transparentes.

A disseminação de informações falsas e desinformação nas redes sociais tem se tornado uma preocupação em todo o mundo. Durante períodos eleitorais, o risco de manipulação e influência secreta aumenta, afetando a integridade dos processos democráticos. Para combater essa ameaça, o TikTok está investindo em medidas concretas para filtrar notícias falsas e evitar a manipulação do debate público.

A criação dos centros eleitorais é parte de um trabalho iniciado em 2021 pelo TikTok, que se intensificou no ano passado com as eleições em alguns países europeus. Agora, a plataforma usará esse modelo como base para desenvolver centros eleitorais específicos para cada idioma em cada um dos 27 países da UE. Isso permitirá que os usuários tenham acesso a informações confiáveis ​​sobre as eleições em sua própria língua e possam participar de debates informados durante o processo eleitoral.

Além de fornecer informações confiáveis ​​sobre as eleições, o TikTok também reforçará suas políticas de moderação para reduzir a disseminação de notícias falsas e desinformação em sua plataforma. A empresa trabalhará em estreita colaboração com organizações independentes de verificação de fatos e especialistas em eleições para identificar e remover conteúdos enganosos ou inadequados. O objetivo é garantir que os usuários tenham acesso apenas a informações precisas e confiáveis.

Essa iniciativa do TikTok é um passo importante na luta contra notícias falsas e desinformação nas redes sociais. Com a expansão dos centros eleitorais para os 27 países da UE, a plataforma demonstra seu compromisso em promover um ambiente online seguro e confiável durante os períodos eleitorais. Ao trabalhar em conjunto com especialistas e organizações independentes, o TikTok visa garantir que as informações compartilhadas em sua plataforma sejam precisas e confiáveis.

A luta contra notícias falsas e desinformação é um desafio contínuo que requer esforços conjuntos de empresas de tecnologia, governos e sociedade civil. À medida que as eleições se aproximam, é fundamental que todos os cidadãos tenham acesso a informações confiáveis ​​e transparentes para tomar decisões informadas no processo eleitoral. Com o compromisso do TikTok em combater a desinformação, espera-se que outras plataformas sigam o exemplo e implementem medidas semelhantes para garantir um ambiente digital mais seguro e confiável.

Imagem 1:
TikTok intensificará a luta contra notícias falsas antes das eleições na UE

Imagem 2:
TikTok combate notícias falsas antes das eleições na UE

Imagem 3:
TikTok expandirá centros eleitorais para todos os países da UE

Ajude-nos e avalie esta notícia.
Picture of Felipe Rabello

Felipe Rabello

Felipe é um dos editores do Guia Região dos Lagos.

Use os botões abaixo para compartilhar este conteúdo:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp
[wilcity_before_footer_shortcode]